Videoteca

Categoria: Uncategorised
Criado em segunda-feira, 25 janeiro 2021

unnamed

Concurso

O Programa Eco-Escolas definiu, para o período letivo 2020/2021, o tema do ano “O ar que respiramos”. Neste âmbito, a ASPEA, através do projeto MAPEAR, em parceria com o Programa Eco-Escolas, promove o concurso de projetos de intervenção na comunidade educativa sobre o tema “A qualidade do AR que respiramos”.

O projeto MAPEAR - Mapeamento ambiental colaborativo da qualidade do ar e ruído, é um projeto de Educação Ambiental, de âmbito nacional, coordenado pela Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA), financiado pelo Fundo Ambiental 2020, que tem como objetivo a promoção da literacia socioambiental, na comunidade educativa, sobre os impactes do ruído e da poluição do ar nos metabolismos urbano e humano, cuja mitigação e eliminação estão diretamente associados aos ODS «3. Saúde e qualidade» e «11. Cidades e comunidades sustentáveis».

 

Objetivos

  • Promover iniciativas de intervenção na comunidade educativa no que diz respeito à qualidade do ar;
  • Contribuir para o aumento da consciência ambiental na área dos impactes da poluição atmosférica nas comunidades educativas e espaços urbanos onde a escola se insere;
  • Promover a criatividade, espírito empreendedor e a tomada de decisão e influência na formulação de políticas públicas através do exercício dos direitos e instrumentos de participação pública por parte dos jovens e da comunidade educativa.

 

Destinatários

Alunos do Ensino Básico, Secundário e Universitário. Os alunos poderão participar individualmente ou em grupo. Os alunos do ensino básico e secundário deverão ter o acompanhamento de, pelo menos, um professor, pelo que os trabalhos submetidos a concurso serão avaliados para a atribuição de um prémio à respetiva escola para implementação do projeto. No caso dos alunos do ensino superior o prémio será atribuído ao responsável pelo projeto, com o compromisso de apresentação das faturas de despesa relativas à sua implementação.

 

Prémios

1º prémio – 1000 euros | 2º prémio – 500 euros | 3º prémio – 300 euros

 

Vencedores

TrabalhoInstituição de EnsinoClassificação
Air Data science Escola Básica e Secundária do Cerco 17,3
A qualidade do AR que respiramos Escola Cidade de Castelo Branco / Agrupamento Nuno Álvares - Castelo Branco 17,0
A qualidade do ar Escola Básica 2,3 Soeiro Pereira Gomes 16,5

 

Parabéns aos vencedores e a tod@s os participantes!

 

Informações importantes

Data limite da submissão: 18 de dezembro de 2020 às 23h59 (horas de Portugal Continental);
Anúncio público dos resultados: 23 de dezembro de 2020;
Regulamento do concurso.

Para mais informações e dúvidas contactar 920242744 (WhatsApp) ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

 

Logos_MAPeAR_FA

Envio de Dados

Categoria: Uncategorised
Criado em quinta-feira, 19 novembro 2020

A submissão dos dados recolhidos durante as campanhas de monitorização da Primavera e de Outono de 2020 poderá ser efetuada através do preenchimento dos seguintes formulários:

 

 

Pedimos a máxima atenção no preenchimento deste Formulário e agradecemos, desde já, o vosso contributo.

Caso se engane a preencher algum campo, envie um mail para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. com os dados a alterar.

Cursos e Oficinas

Categoria: Uncategorised
Criado em sexta-feira, 21 agosto 2020

Durante o projeto MAPEAR foram realizadas 12 oficinas acreditadas de curta duração. As primeiras 6 oficinas versaram sobre a implementação do projeto, enquanto que as últimas foram oficinas de Democracia, Participação Pública e Cidadania Ativa.

Oficinas_Mapear
Curso de Formação MAPEAR - Bragança

As oficinas de implementação do projeto foram em modalidade presencial. A oficina está dividida em 4 módulos, sendo o primeiro de abordagem teórica sobre a apresentação do projecto, objectivos, tarefas e actividades em que a escola participará.

O segundo módulo abordará os conceitos teóricos de base na área da qualidade do ar e ruído ambiente, legislação vigente, boas práticas ambientais para a defesa da saúde pública em centros urbanos e exemplos de outras plataformas colaborativas de ciência cidadã. Estes módulos foram realizados em sala de aula, com recurso a métodos expositivos e activos, de reflexão e discussão de estudos de caso e análise de documentação de referência a utilizar nas tarefas posteriores do projecto.

Oficinas_Mapear
Curso de Formação MAPEAR - Braga

Os terceiro e quarto módulos são constituídos por uma abordagem teórico-prática, em que os formandos irão aprender a manusear as sondas paramétricas de qualidade do ar e ruído, aquisição de dados através de uma saída de campo demonstrativa, utilização de uma plataforma de georreferenciação para inserção dos dados monitorizados e o cálculo e tratamento dos dados recolhidos. Com base numa metodologia colaborativa de aprendizagem activa, ambos os módulos pressupõem a utilização de novas tecnologias de medição e monitorização ambiental, bem como a exploração de software para a recolha e tratamento de dados.

Oficinas_Mapear
Oficina de Democracia, Participação Pública e Cidadania Ativa

 

As oficinas de Democracia, Participação Pública e Cidadania Ativa foram, por seu lado, realizadas por videoconferência, através da plataforma zoom.

Oficinas_Mapear
Curso de Formação MAPEAR - Horta

O ​ workshop foi dividido em 2 módulos, sendo o primeiro correspondente a um tutorial de acompanhamento e avaliação das tarefas realizadas pelos alunos e docentes até ao momento, bem como o esclarecimento de dúvidas, orientação e organização das actividades posteriores a desenvolver no MAPEAR.

O segundo módulo foi sobre a participação pública e a cidadania activa enquanto processos de democracia participativa acessível aos jovens, onde a abordagem é teórico-prática, recorrendo a exposição de conceitos e matérias de participação pública local em órgãos públicos autárquicos e regionais. Foi também testada a intervenção na formulação e comunicação de políticas públicas em ambiente.

Oficinas_Mapear
Curso de Formação MAPEAR - Aveiro

Tivemos ainda uma sessão especial da parte prática de uma oficina de implementação com uma turma do Agrupamento de Escolas Mário Sacramento, em Aveiro.

O plano de formação completo pode ser encontrado através deste link, onde estão enumerados os tópicos e conteúdos de cada oficina, assim como informações sobre a ASPEA, os formadores e um breve enquadramento das ações de formação.

Os conteúdos de formação estão acessíveis através dos seguintes links:

 

Logos_MAPeAR_FA

O Projeto

Categoria: Uncategorised
Criado em terça-feira, 15 setembro 2020

Descrição sumária

O “MAPEAR - Mapeamento ambiental colaborativo da qualidade do ar e ruído”, propõe a implementação de um projeto piloto, iniciado em Maio de 2020, cujo objetivo é a promoção da literacia socioambiental, na comunidade escolar, sobre os impactes do ruído e da poluição do ar nos metabolismos urbano e humano, cuja mitigação e eliminação estão diretamente associados aos ODS «3. Saúde de qualidade» e «11. Cidades e comunidades sustentáveis».

A partir do conjunto de atividades proposto, pretende-se contribuir para uma aprendizagem ativa, inclusiva, colaborativa, interdisciplinar e humanista, de base ecologista e social, dentro do ensino formal, com práticas que reforcem as competências, os princípios e os valores descritos no Perfil dos alunos à saída da escolaridade obrigatória, homologado pelo despacho nº6478/2017 de 26 de Julho, em particular no que respeita às competências soft e hard da sustentabilidade, reflexão crítica, inovação, cidadania e participação.

Para este fim, queremos capacitar professores de escolas do 3º ciclo do ensino básico e secundário, inseridas nas regiões com núcleos da ASPEA (Aveiro, Braga, Bragança, Lisboa, Viseu, Açores), nas temáticas qualidade de ar e ruído, tendo como base dois dos pilares essenciais descritos na Estratégia Nacional de Educação Ambiental ENEA (2020): descarbonizar a sociedade e valorizar o território, seguindo de perto o Objetivo Estratégico Educação Ambiental + Aberta, em particular nas suas medidas #4, #11 e #12.

A referida capacitação baseia-se em estratégias de investigação-ação e educação-ação participativa, passando pela apropriação por parte dos formadores dos núcleos da ASPEA, dos professores e, posteriormente, dos estudantes, de tecnologias open source de monitorização de concentrações de gases, partículas e ruído na imediação das suas escolas e em pontos estratégicos nas suas localidades, nomeadamente em zonas de maior concentração de tráfego automóvel (centro das cidades), nos percursos pendulares de casa para a escola, nos parques e zonas verdes da cidade, entre outros.

Os dados recolhidos, tanto através das campanhas de monitorização, como a partir de técnicas de cartografia colaborativa, irão alimentar uma plataforma online interativa - WebSIG -, com ferramentas como geovisualizador, dashboards e storymaps, que permitirá diagnosticar, analisar e disseminar os resultados, contribuindo para a construção da literacia socioambiental tanto dos formadores e professores como dos estudantes, familiares, e organizações que estarão envolvidas neste projeto.

No seguimento, far-se-á uma análise das informações recolhidas, identificando, para as várias zonas, os impactes ambientais positivos e negativos, dando depois lugar à reflexão sobre as melhores práticas que já existem e às possíveis soluções para os problemas encontrados.

Partindo dos resultados obtidos, um ebook sobre qualidade do ar e ruído será elaborado, que estará disponível no micro-site do projeto, numa secção dentro da página web da ASPEA, e cujas cópias serão distribuídas nas escolas participantes no projeto das regiões dos núcleos da ASPEA e nos órgãos do Poder Local, nomeadamente Juntas de Freguesia e Câmaras Municipais, de forma a potenciar propostas de mudança nas políticas públicas locais, no quadro dos orçamentos participativos municipais.

No final do projeto será organizado um Seminário Nacional de Jovens, no qual serão apresentados os resultados do mesmo, a partir da apresentação de trabalhos realizados pelos alunos e professores. Será também elaborado um documento de propostas de políticas públicas com recomendações e medidas, direcionadas aos órgãos do Poder Local e Central, com base nos resultados e estudos elaborados pela comunidade educativa sobre a gestão ambiental da qualidade do ar e ruído, que será divulgado através dos meios de comunicação social e entregue aos decisores políticos e respectivas organizações.

 

Objetivos principais

O projeto proposto ambiciona introduzir metodologias de investigação-acção nas comunidades educativas, em áreas temáticas ambientais menos desenvolvidas nas escolas, nomeadamente a qualidade do ar e o ruído e, deste modo, incentivar à participação ativa no quotidiano das comunidades e cidades em que as escolas se inserem - trata-se de enraizar a “aprendizagem fora de portas” através do recurso às novas tecnologias ao dispor da ciência cidadã. Por conseguinte, enumeram-se os principais objetivos SMART (específicos, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais) a atingir:

  • Promover a literacia socioambiental relativamente à qualidade do ar e ruído nas cidades e nas comunidades em que as escolas se inserem, incutindo a sensibilização ambiental em meio escolar, a partir de estratégias de monitorização e mapeamento de dados na metodologia de ciência cidadã, análise de resultados e diagnóstico, proposta e disseminação de boas práticas;
  • Capacitar professores como agentes multiplicadores do MAPEAR;
  • Dotar os professores de ferramentas digitais e de medição que possam utilizar nas suas atividades letivas com vista à promoção de uma consciência crítica e ativa dos alunos no que respeita às questões ambientais aferidas neste aviso, numa aprendizagem fora de portas;
  • Estimular os princípios, competências e valores recomendados pelo despacho n.º 6478/2017, referente ao que se espera que seja o perfil dos alunos à saída da escolaridade obrigatória, bem como da Recomendação n.º 1/2020 do Conselho Nacional de Educação, por forma a criar propostas em políticas públicas para a materialização das cidades inteligentes, resilientes e sustentáveis.

 

Equipa técnica

Joaquim Ramos Pinto - Coordenador - Licenciado em Educação do Ensino Básico pela Universidade de Aveiro; Diploma de Estudos Avançados obtido pela Universidade de Santiago de Compostela, onde iniciou doutoramento no âmbito do Programa Interuniversitário de Doutoramento em Educação Ambiental e a frequentar, atualmente, a etapa de tese do Programa de Doutoramento em Educação. Professor em mobilidade ao abrigo do protocolo entre o Ministério da Educação e Ministério do Ambiente, na coordenação de projetos de Educação Ambiental de âmbito nacional, Europeu e CPLP. Integrou a comissão organizadora e científica de várias jornadas, conferências e congressos de Educação Ambiental de âmbito nacional e internacional, onde apresentou várias comunicações. Tem publicados vários artigos em revistas e jornais no âmbito de projetos e investigações que desenvolveu. Atualmente é presidente da Associação Portuguesa de Educação Ambiental.

Vasco Neves - Vice-Coordenador - Doutor em Astronomia pela Universidade do Porto. Licenciado e Mestre em Física. Professor de Física. Tem experiência e competências nas áreas de ensino, investigação e ciência de dados, assim como em hardware open source, automação, análise de dados de sensores e sua calibração. Trabalha em projetos relacionados à economia circular. Voluntário da ASPEA desde 2019.

Ana Cristina Ferreira Neta - Investigadora - Doutoranda em Geografia pelo Instituto de Geografia e Ordenamento do Território-IGOT da Universidade de Lisboa. Co-autora de Manual escolar. Ministra Workshops Lixo Zero. Coordenou a metodologia da Cartografia Social para a Construção da Política Municipal de Educação Ambiental-PMEA de Foz do Iguaçu, Paraná Brasil. Voluntária da Associação Portuguesa de Educação Ambiental-ASPEA desde 2019.

David Ramos Silva - Investigador - Doutor em Ciências e Engenharia do Ambiente pela Universidade de Aveiro. Licenciado e Mestre em Engenharia do Ambiente pela Universidade de Aveiro. Vice-Presidente da ASPEA. Investigador Científico, Consultor e Gestor de Projectos na área das ciências e engenharia do ambiente, educação ambiental e bioenergia. Formador acreditado em Educação Ambiental para a Sustentabilidade pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua de Professores e Educadores.

Vítor Almeida - Técnico especializado - Mestre em Ciências e Tecnologia do Ambiente pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Licenciado em Engenharia de Minas e Geoambiente pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. Desenvolveu a sua carreira profissional nas mais diversas áreas do Ambiente, com maior incidência em projetos envolvendo Sistemas de Informação Geográfica. Colabora com a ASPEA desde 2015, mais ativamente em projetos associados aos rios, na estruturação e análise de informação georreferenciada.

Laura González Munera - Apoio técnico e à gestão - Licenciada em Ciências Ambientais e Pós Graduada em Ecologia Humana e Problemas Sociais Contemporâneos. Desde 2014, trabalha na coordenação e gestão de projetos e programas de educação, sensibilização e comunicação ambiental nacionais e internacionais na Associação Portuguesa de Educação Ambiental - ASPEA.

Logos_MAPeAR_FA

Seminário Nacional

Categoria: Uncategorised
Criado em sexta-feira, 21 agosto 2020

O Seminário Nacional MAPEAR de Boas Práticas Ambientais em Ar e Ruído na transição para as cidades e comunidades sustentáveis será realizado com o intuito de partilhar e divulgar os trabalhos produzidos pelas escolas parceiras e influenciar as políticas públicas locais e os decisores políticos e técnicos nas temáticas do projecto.

Este evento será constituído por sessões de exposição dos trabalhos realizados pelos docentes e alunos e havendo a participação de conferencistas convidados sobre a temática da qualidade do ar e o ruído ambiente em cidades. O evento estava previsto para ser presencial, a ser realizado num auditório. Infelizmente, devido aos constrangimentos impostos pela situação de pandemia que vivemos, o seminário terá lugar na plataforma zoom de videoconferência.

O Seminário terá lugar no dia 27 de Novembro das 14h às 19h.

Programa Seminário MAPeAR

 

Jogo Kahoot! do Seminário MAPEAR

Os resultados do jogo sobre qualidade do ar e ruído na plataforma Kahoot já sairam! Muitos parabéns a todos os participantes e em especial à Ana Luísa Pires Rocha do Agrupamento de Escolas Mário Sacramento, que respondeu corretamente às 14 questões do quiz com muita velocidade e ganhou um vale de compras fnac.pt no valor de 50 €!

PJogo Kahoot! - Resultados

Logos_MAPeAR_FA

Plataforma SIG

Categoria: Uncategorised
Criado em sexta-feira, 21 agosto 2020

O processo participativo, em matéria ambiental, incorpora, inevitavelmente, uma forte componente territorial, o que acresce necessidades específicas relacionadas com os níveis de literacia espacial e diferentes mecanismos de representação do espaço por parte dos cidadãos. Neste contexto, a diversificação de fontes de informação (fotografias, vídeos, mapas, desenhos, etc.) é fundamental, o que confere grande importância aos Sistemas de Informação Geográfica (SIG) nos processos participativos. Sempre que o "onde" aparece entre as questões e os problemas que podem ser resolvidos por um sistema informatizado, haverá uma oportunidade para considerar a adoção de um SIG.

Será, assim, desenvolvido um WebSIG que constituirá um espaço onde todos os intervenientes poderão partilhar, analisar e comparar os resultados recolhidos durante as atividades de monitorização, no que se pretende que possa vir a ser, caso o presente projeto venha a ser replicado, um grande reservatório online de informação relativa à qualidade do ar e do ruído. O WebSIG a desenvolver irá contar com várias componentes interativas: a) dashboards, aplicação que permitirá apresentar os resultados quantitativos do projeto de uma forma imediata e em tempo real recorrendo não só a mapas, mas também a elementos visuais de análise como gráficos, listas ou medidores; b) um geovisualizador, aplicação de mapeamento que permitirá cruzar a informação quantitativa e qualitativa do projeto através de diversas camadas; c) storymaps, aplicação indicada para comunicar dados quantitativos e qualitativos através da concepção de narrativas que podem gerar mudança, influenciar opiniões e criar consciência, das quais os mapas personalizados são parte integrante, ilustrando relações espaciais, dando um sentido de localização mais forte e adicionando apelo visual e credibilidade à mensagem a comunicar.

O mapeamento será feito pelos professores e membros da ASPEA capacitados, em conjunto com os alunos. No final da fase de mapeamento, será feita uma análise dos dados recolhidos, identificando as regiões que enfrentam mais e maiores problemas ao nível da qualidade do ar e ruído. Os resultados obtidos serão posteriormente comparados com os índices da plataforma QUALAR , da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), seguindo os mesmos critérios e parâmetros físico-químicos de medição, como forma de aferição da sua qualidade. Uma vez uniformizados, a base de dados do projeto poderá complementar a plataforma QUALAR, uma vez que cobre micro-regiões fora do alcance da rede de medição da APA. Por fim, este mapeamento será também integrado numa plataforma mais extensa que pretende configurar um futuro Observatório de EA, que incluirá iniciativas em diversas áreas temáticas e abordagens sociopedagógicas.

Os produtos disponíveis para visualização contemplam dois tipos de medições:

  1. 1. Medições contínuas de partículas PM2.5 e PM10, feitas por dispositivos de monitorização fixos nas escolas e núcleos regionais da ASPEA.
  2. 2. Medições de partículas e ruído efetuadas em diferentes pontos de um percurso pré definido.

 

Estas medições podem ser visualizadas através de um dos seguintes dashboards:

  • Dispositivos de monitorização fixos;
  • Dispositivos de monitorização móveis, em cada percurso.

 

Dashboard-SF
Dashboard MAPeAR - Sensores Fixos
Dashboard-Aveiro
Dashboard MAPeAR - Aveiro
Dashboard-Braga
Dashboard MAPeAR - Braga
Dashboard-Bragança
Dashboard MAPeAR - Bragança
Dashboard-Horta
Dashboard MAPeAR - Horta
Dashboard-VFX
Dashboard MAPeAR - Vila Franca de Xira

 

 

Logos_MAPeAR_FA

Oficinas

Categoria: Uncategorised
Criado em sexta-feira, 21 agosto 2020